Curry Beef

Esses dias meu o Raoni convidou o Antonio, um super amigo nosso, que fez faculdade de cinema junto com ele (se formaram ano passado, não é demais?) pra jantar lá em casa, então corri escolher uma super receita pra fazer e impressionar ele, sem recorrer aos meus dotes asiáticos, porque nossa, toda vez que alguém vai lá em casa come frango xadrez ou coisas transformadas em tonkatsu ou receitas com shimeji, sério: SEMPRE faço isso quando tem visita. Então resolvi ousar e fazer o papel de fã louca daquela novela O Clone (não foi muito difícil porque eu sou uma fã louca dessa novela, de verdade), inovando com um Curry Beef.

Não vou mentir pra vocês: eu não amei essa comida. Mas todo mundo amou e na outra vez o Raoni encontrou o tal amigo, todos já sabiam do Curry Beef (oque me deixou muito orgulhosa, imaginem). Sei que ficou gostoso e certinho, mas também sei que eu já trabalhei num restaurante indiano (na época que eu almejava ser uma grande chef kkkkk) e toda vez que eu sinto cheiro de curry me lembro do calor e das condições precárias de trabalho daquela fase da minha vida, então acho que associo essa receita a tensão. Mas é um prato tão bonito que resolvi ensinar pra vocês, porque é MUITO fácil de fazer!

Para alimentar 4 pessoas famintas, você vai precisar de:

  • Azeite;
  • 2 col. de sopa de alho (hahaha, faz sopa de alho e coloca na receita, só que não);
  • 500gr de contra filé em bifes finos;
  • 1 col. de sopa de gengibre ralado;
  • 2 col. de curry em pó;
  • 1 col. de sopa de páprica doce em pó;
  • 1 col. de sopa de salsinha;
  • 200ml de leite de coco (1 garrafa);
  • 1 saquinho de amendoim torrado e sem pele;
  • 200ml de água (1 copo).

Eu incluí cebolinha na minha lista de ingredientes, porque piquei em rodelinhas crocantes pra comer como salada. Adoro e acho que combina bastante com essa receita, mas não é exatamente importante, você pode comer esse curry com arroz branquinho só e já tá lindo e étnico. Não, você não pode comer com a mão.

A primeira coisa que você vai fazer é refogar o alho e o gengibre no azeite. A dica é que você pode roubar e colocar uma colherinha de óleo normal no seu azeite, assim ele não queima, já que o gengibre demora um pouco pra fritar, né. Refogou? Coloca todas as outras coisas, menos a carne. Os temperos tipo curry e páprica eu usei aqueles de saquinho que vende baratinho no mercado mesmo, tipo kitano e essas marcas. Acho que compensa mais, você vai pagar super caro comprando a granel e nem vai saber qual a marca dele, ou vai comprar um super caro de marca e não vai fazer tanta diferença assim no sabor, juro. Quer ser gourmet? Gasta seu dinheiro comprando pauzinho de baunilha e flor de sal, que daí juro que compensa!

Mexe, mexe, mexe, mexe, mexe. Vai parecer meio aguado, mas vai ficar tanto tempo nessa panela até a carne estar cozida que nossa, vai apurar bem. Mentira, nem demora tanto, uns 15 minutos.

Agora você pode colocar a carne! O ideal é ter amizade com o açougueiro, assim ele vai deixar ela bem limpinha, sem nenhuma gordura pra você. Mas… Se você não for tão intima vai ter que fazer o serviço. Contra filé não tem nervos e coisas horríveis então você só tira as aquelas gordurinhas que todo bifinho tem mesmo. Se não tiver contra filé rola fazer com patinho.

Acho que uns 15 minutos realmente deixam a carne bem cozida, isso em fogo baixo, porque se você deixar o fogo muito alto começa a dar aquela sapecada no molho e vai virar uma loucura. Esse seria o único jeito de fazer essa receita desandar. Quando você achar que tá pronto, tira um bifinho e corta no meio, assim vai ter certeza se a carne ta no ponto! Se curtir, vale colocar uma pimentinha, eu que não aguento muito a emoção. O resultado na panela (faltava encorpar só um tiquinho):

 

Vão tentar fazer? Espero que façam e principalmente, que achem gostoso. Beijo!

Nenhum Comentário sobre Curry Beef

Nenhum Comentário sobre Curry Beef