Como Sobreviver ao Fim de Semana com R$ 7,00

Olá, estavam com saudades? É a Maria Eugênia que vos fala e hoje eu vou não só dar dicas, mas lições de vida sobre: comer com pouco dinheiro. Sou especialista nisso! Sabe como é, moro longe de casa e o dinheiro que mamãe manda é todo contadinho: aluguel, mais que o aluguel em xerox e mais que o aluguel e o xerox em coxinha, chocolate e cerveja (mentira mãe, compro tudo em frutas e legumes).

#voltamimeografo

Daí você calcula tudo bonitinho e percebe que tem livre (sem contar comida) sete moedas de um real por fim de semana. Mancada é cuspir num cego e dizer que está chovendo (hahahaha eu sei que não tem haver, mas eu queria usar essa frase em algum lugar).

Gente anotem nas suas moleskines, bloco de folha reciclável ou caderno dado pelo governo (o importante é competir), as superdicas de como fazer o seu dinheiro render, sem desmaiar de inanição e com muita diversão:

  • Não perca a oportunidade de comer de graça:

Vale tudo, degustação de sopa vono no supermercado, jantar na casa dos amigos (se me convidarem e não for fim de mês eu levo vinho/cerveja/sobremesa, se for eu levo o pote pra levar comida pra casa), festa de aniversário de criança (mesmo que você não conheça o aniversariante. Viu um portão com bexigas? Entre, dê um abraço no mais velho da família, coma muito e saia correndo. Não tem como dar errado.) e coffee breaks de congresso.

Semana passada eu tive um congresso na sexta a noite e sábado de manhã, comi tanta empadinha… O melhor de tudo é que tem várias mesas, daí não fica chato, a galera não repara (gente, guarda enroladinho de salsicha na bolsa, mas não perde a classe hahahaha essas coisas a gente só come escondido).

  • Transforme os restos da sua geladeira em alta gastronomia:

Coisas que toda casa tem que ter: leite, ovo, sal, açúcar, vinagre, azeite, felicidade (rs). Com isso e restos do seu almoço semanal você tem um mundo de opções, eis algumas delas:

BOLINHOS: é simples, você pega uma base (farinha, leite, um ovo, fermento) e complementos (resto de carne-moída de segunda, uma lata de sardinha, milho, tomate, queijo, goiabada, bananas, o que você quiser, doce ou salgado). Mistura os dois e frita. Não tem como dar errado.

BAURU DE VÁRZEA: bauru pé no chão, bauru de guerrilha.

Imagens meramente ilustrativas

Faz assim, pega aquele bife que sobrou ou filé de frango, corta em tirinhas (ou cubinho ou estrelinhas ou o símbolo do seu partido preferido, sei lá), frita ou esquenta, dependendo do estado em que ele se encontrar hahahahaha, daí você compra um pouco (pouco mesmo) de queijo e joga em cima, espera derreter e coloca num pão com maionese ou requeijão, decidam. Coloca um tomatinho picadinho e temperadinho também. Nossa, r e p e t a c u l ê. Sério, sustenta muito.

OMELETE DOS CAMPEÕES: a ideia é a mesma dos bolinhos, uma base mais complementos. Não tem como dar errado. A não ser que você seja um completo idiota (brincadeira). Base: bata dois ovos (ou quantos você tiver em casa, variando de acordo com o seu nível de ogrisse), com uma pitada de sal, temperos (shoyu, molho inglês, noz moscada, o que a sua criatividade permitir) e umas três colheres de leite (o omelete fica fofinho e alto, mas se colocar muito leite ele gruda e vira ovo mexido, sério, tenho experiência em estragar o omelete ahahahaha). Complementos: qualquer coisa. Resto de carne da semana passada, legumes cozidos, tomate, pimentão e queijo são uma delicia. Fica gostoso também se colocar batata frita em cubinhos. Muito bom. Muito.

  • Dicas importantes sobre cozinhar com restos:

Não cheire. Não se preocupe com validade. Não prove antes, senão diminui a quantidade da porção final hahahaha. Pelo menos na república onde eu moro só jogamos comida fora no dia que a empregada vem.

Multipliquem por 5

O importante é se alimentar, se você vai passar mal depois é outra história hahahahaha brincadeira gente.

  • Faça uma dieta:

Você pode comprar uns três pães, daí durante o fim de semana, quando você sentir fome você come um miolo de pão que a fome passa. Vai perder uns bons quilos.

  • Coma o que a vida pode lhe oferecer de melhor:

Sério, com sete reais você pode comer: feijão, yakissoba, macarronada, galinha, picanha, tomates da turma da Mônica. Sabe do que eu estou falando? O famoso macarrão instantâneo (miojo pros leigos).

Fenômeno nacional

Dá pra comprar um pra cada refeição com sete reais. Mas depois não me venham reclamar de anemia <3

Com tantas ideias não dá pra reclamar da vida, né? Vocês tem mais alguma ideia pra compartilhar? É uma atitude gratuita, lembrem-se. Sério, me falem que eu faço, juro. Gostaram do meu texto? Falem pra Helô me chamar mais pra escrever hahahaha. Brincadeira, ela sempre me chama, eu é que sempre estou desmaiada de fome nunca tenho tempo. Mas em breve estarei de férias e ninguém me segura. Beijo e bom final de semana para vocês pratiquem!

14 Comentários sobre Como Sobreviver ao Fim de Semana com R$ 7,00