Como Fazer Uma Carne Bem Daóra

Para fazer a sua vida mais completa e cheia de sabedoria, hoje eu decidi vir a público ensinar-lhes uma lição sem preço, que deverá ser passada para os seus filhos e os seus netos e os netos dos seus sobrinhos. Este é o tutorial de “COMO FAZER UMA CARNE BEM DAORA”, por Raoni Marqs.

As técnicas a seguir me foram ensinadas pelo meu querido chef Anthony Bourdain, numa tarde que passamos juntos na sala de casa.

Como ele fala demais, eu resolvi sintetizar todo esse know-how em 10 passos simples.

Antes, os ingredientes:

1 Carne.

Lembre-se de escolher uma carne ALTA! Um respeitável pedaço de carne – não vá comprar um bife fininho, se não vai ser mais gostoso mastigar o seu chinelo. Ah, é… você também vai precisar de sal e pimenta, porque… os animais não nasceram temperados.

Agora, vem comigo!

1 – TEMPERATURA AMBIENTE

Amiga, se você acabou de tirar a carne da geladeira, ou se você está achando que descongelar esse negócio direto na frigideira é uma boa ideia, PENSE DUAS VEZES. Você está comprometendo a qualidade da carne! Por isso lembre-se de tirar a carne da geladeira um teeempo antes. Se você está com pressa, desista da carne e vá fazer um miojo.

2 – SAL & PIMENTA

Não adianta reclamar e dizer que você não curte pimenta porque não é um rústico, tem um paladar delicado ou não nasceu na Bahia – a pimenta não vai servir pra deixar seu bife em chamas, é só um tempero sutil. CLARO QUE, se você jogar seis quilos de pimenta em cima da carne e cobrir tudo, eu ACHO que as coisas mudam de figura. Então use o seu bom senso e jogue sal e pimenta dos dois lados da carne, bata nela um pouco pra aprender quem manda e pronto.

3 – CHAPA QUENTE

Sua carne precisa ser recebida com pompa. Então nada melhor do que uma frigideira EM CHAMAS. Coloca ela no fogo KENT enquanto tempera o animal, porque não há nada mais triste do que uma frigideira maisoumenos quando a sua carne chegar lá.

4 – FOGO BAIXO

Mais uma vez: se você estiver com pressa, compre um pão de queijo na lanchonete do posto. Aqui as coisas são feitas com paciência, cuidado e elegância. Depois que a carne se deitar no berço infernal da frigideira quentíssima, abaixe o fogo e deixe o calor envolver o seu jantar/almoço/cafédamanhã com cuidado e ternura.

5 – NÃO CHEGUE PERTO!

MANO! Atenção agora: se a carne está temperada, a frigideira está quente e o fogo está baixo, DEIXA A CARNE LÁ. Esse é o verdadeiro teste dos fortes – nunca, em hipótese alguma AMASSE A CARNE. Se você acha que ouvir a carne fazendo TSHHHHH vai deixar ela mais gostosa VOCÊ ESTÁ ERRADO. Não mexa na carne. NUNCA mexa na carne. Não encoste nela. Deixa a carne ali. Quieta. No canto dela. Acredite, ela não depende de você amassando ela com uma espátula pra ficar melhor. NÃO ENCOSTA NA CARNE, BLS?!

6 – DEIXA ELA ALI

Agora que você está há três passos do fogão para se segurar e nunca encostar na carne, pratique os seus hobbies habituais: vá até o Facebook falar mal das pessoas e bem dos cachorros. Dá uma volta na caverna pra encontrar aquele Zubat esperto que não vai ajudar em nada os seus Pokémon aumentarem de nível. Sua carne está RE-LA-XAN-DO. Não perturbe.

7 – VIRANDO, VIRANDO

Se a sua carne já relaxou bastante você vai ver que o formato e a cor dela mudaram ligeiramente – ela agora etsá mais intensa e feliz, curtindo um calorzinho do verão. Então vá até lá e vire este pedaço de mau caminho gastronômico. Deixe ela bronzear as costas agora.

8 – FOGO ALTO

Se a sua carne já permitiu-se relaxar dos dois lados, está quase na hora… Não há evidências de que isso sirva de fato pra alguma coisa, mas você vai se sentir um verdadeiro churrasqueiro quando aumentar o fogo. Coloque de volta o fogo alto, selvagem e desmedido, e finja que isso é uma parte essencial do processo – um verdadeiro toque do chef. Depois de um tempinho (inho… inho… inho… BEM POUCO MESMO, NÃO VÁ ESTRAGAR TUDO COM ESSA MANOBRA INÚTIL), você pode tirar a carne dali, apagar o fogo e deixar ela relaxando no prato.

9 – ESPERA! AINDA NÃO!

Isso não quer dizer que você possa comer esse rolê ainda! Guentaí, amigão! Como eu disse, esso é um processo que envolve muita paciência. Agora que você tirou a carne do fogo (respira que isso pode ser meio difícil de compreender) você ESPERA MAIS UM POUCO. Acredite, o segredo do sucesso reside NESSA ETAPA. A etapa em que você finge que faz algum sentido não comer a comida depois que está pronta. Mas é aí que está a sagacidade: enquanto a carne esfria, o sabor delicioso ainda está circulando dentro dela, então deixe o sabor circular. Eu garanto que vai dar certo. Se não der, a gente te devolve o dinheiro que você pagou pra ler esse post.

10 – SUCESSO

Pronto, pode comer agora. Se ficou uma delícia, lembre-se de mandar um e-mail pra Heloísa dizendo “CARA, SEU BLOG MUDOU MINHA VIDA CARNÍVORA”. Se ficar um lixo e você odiar, a culpa não foi minha e essa empresa não se responsabiliza pela sua eventual indigestão.

<3

16 Comentários sobre Como Fazer Uma Carne Bem Daóra