Como encontrar passagens baratas?

Agora que o dólar está extremamente valorizado viajar ficou mais caro, independente do lugar do mundo que a gente tenha a intenção de ir. Isso acontece, porque as passagens são todas calculadas com base nessa moeda, então mesmo que não haja a intenção de ir aos Estados Unidos nem durante uma escala, é preciso ficar de olho nas cotações dessa moeda na hora montar seu próprio roteiro.

Por causa disso, acho que todo mundo está mais esperto na hora de procurar passagens baratas, a prova é que todas as fanpages de sites que falam sobre promoções de companhias aéreas cresceram muito nos últimos meses. Mas por mais que eles sejam uma boa opção na hora de comprar bilhetes com super descontos, sinceramente não acho que são a ferramenta mais útil para quem realmente está planejando uma viagem nos próximos meses. Pra mim, o melhor lugar para pesquisar e comprar passagens aéreas é o Google! Através da ferramenta Google Flights, que desde fevereiro tem até tradução para o português.

Da última vez que comprei uma viagem mais longa e significativa, à Coréia do Sul, eu não conhecia esse recurso, sinceramente nem tenho certeza se ele estava disponível no Brasil. Por causa disso, pesquisei muito e acabei encontrando em sites como Submarino Viagens e Decolar o melhor preço. Mas hoje, comparando as tarifas de pesquisas em sites assim e no Google, é evidente que vale muito mais a pena comprar nessa última opção.

De acordo com alguns sites, a principal vantagem de comprar passagens utilizando o Google Flights é que eles não ganham comissão, por isso que os bilhetes ficam tão mais baratos. Porque né… O Submarino, a Decolar e todos aqueles sites de promoção de passagens aéreas só sobrevivem porque eles ganham uma porcentagem a cada passagem vendida. Pelos valores das passagens encontradas no Google, a impressão que eu tenho é realmente essa (que eles não colocam nenhum valor em cima das passagens), já que mesmo com as taxas, que sempre são inseridas nos valores das buscas, o melhor preço sempre encontro por eles. Mas apesar disso, muitas vezes quando clico para ser direcionada ao site da companhia aérea para efetuar a compra, por mais que o valor não mude, a extensão do link sempre contém palavras que indicam que aquele acesso veio do “afiliado Google”, então acredito que eles ganham dinheiro pelas vendas, mas de uma maneira diferente. No fim isso não importa tanto, né? Afinal de contas pagar comissão não é algo ruim, principalmente para quem nos garante o melhor preço.

Além da praticidade, do visual clean e dos preços mais baixos, pra mim a principal vantagem do Google Flights é o calendário deles, que aparece quando você vai preencher a data da sua viagem. Depois que você seleciona sua cidade de partida e também a de destino, ele mostra qual é a melhor tarifa para todos os dias do mês, por vários meses. Às vezes demora um pouquinho pra carregar, mas é incrível! Com isso dá pra descobrir, por exemplo, o quanto você pode economizar se viajar alguns dias antes ou depois da sua data planejada. Por incrível que pareça a diferença é imensa! Na próxima viagem que eu pretendo fazer, a economia viajando um dia depois é de pelo menos R$ 800.

Espero que vocês tenham gostado da dica! Parece óbvio, porque se trata de um serviço do Google, né? Mas conversei com muita gente que ama viajar, sabe tudo de internet e mesmo assim não conhecia essa ferramenta, então achei melhor dividir essa info com vocês, até porque eu também fiquei sabendo do Google Flights só de uns 2 ou 3 meses pra cá, então é uma novidade feliz na minha vida ainda hahaha. E vocês, já conheciam o Google Flights? Tem algum outro site pra comprar passagens que vocês amam e não largam? Deixem nos comentários! Mil beijos e até mais tarde <3

Me acompanhe nas redes sociais:

Facebook – Instagram – Youtube – Viber

2 Comentários sobre Como encontrar passagens baratas?