85 Lugares Para Você Aproveitar Minhas Férias – 10

Oi gente, tudo bem com vocês? Espero que esteja tudo incrível e divertido por aí! Não sei se vocês sabem, mas eu tô de férias e nesses 10 dias de descanso vou aproveitar pra fazer o que mais gosto: comer bem! Estou colocando muitas receitas em prática e saindo para comer em lugares diferentes com maior frequência também. São as coisas que eu mais gosto de fazer quando tenho tempo!

Como é o meu tempo de folga, mas também quero que vocês tenham momentos inesquecíveis, fiz uma lista com 85 lugares que já comi coisas dos mais variados tipos: tem sorveteria, pizzaria, japonês, coreano, comida por quilo, tudo pra todos os bolsos. Os comentários são curtos, mas expressam exatamente a minha opinião sobre o local, então tem coisa que eu gostei e tem coisa que detestei e não quero que vocês se empolguem na hora de visitar. Tenho recebido muitas reclamações por postar apenas coisas que eu adoro, então lancei as criticas negativa também.

Vou postar todas essas recomendações ao longo da minha ausência, um pouquinho por dia,  e quem tiver mais pode indicar nos comentários também, combinados? Sei que ninguém gosta de entrar em blog e não ter post novo, portanto os lugares que você precisa comer antes de eu voltar são:

  • Chocolat du Jour

Aqui é tudo extremamente caro, mas igualmente especial, então vale a pena se presentear com essa visita depois de uma semana de muito trabalho, por exemplo. Na loja, degustei um chocolate com mel e especiarias e pude provar dois tabletes de chocolate ao leite e chocolate amargo, todos extremamente saborosos.

Eu queria levar muita coisa para casa, mas realmente os preços são altos, assim como a qualidade de cada produto. O kit de chocolate quente virou meu atual sonho de consumo. Como não seria possível naquele momento levar tudo o que eu queria, escolhi a dedo: levei um brigadeiro du jour (R$ 4) e quatro trufas (R$ 4 cada) – noir, chocolate amargo, chocolate ao leite e crocante. Nada menos que sensacionais, bem cremosas.

  • BiCol

O bulgogi é talvez um dos pratos mais comuns nos restaurantes coreanos paulistanos, mas mesmo assim existe grande diferença entre um jeito e outro de preparar, cada um tem um tempero diferente. Consiste de contrafilé ou outra carne de 1a linha cortada fininha e temperada à moda. Ele é preparado no “phan”, uma espécie de calota (à gás ou elétrico) colocada a mesa e utilizada para grelhar a carne. O prato ainda acompanha vários “banchan”, acompanhamentos diversos servidos em pequenos pratos ou cumbucas.

No BiCol, o bugolgi serve tranquilamente duas pessoas e é ligeiramente diferente dos outros que já experimentamos. A carne não vem exatamente fatiada, e sim, triturada em pedaços pequenos e delgados. Vira quase uma massa de hambúrguer misturada com pedações de cebolinha. A carne cortada desse jeito frita rapidinho no phan e, orientados pelo garçom, tem que ser banhada com uma mistura de óleos que vem em uma jarra… Bizarro! O tempero dá um sabor especial e deixa a carne levemente doce e apimentada. Quase desmancha na boca e é uma delicia!

  • Yoggi

Cara eu odeio frozen iogurte mais do que qualquer coisa, as vezes penso que whiskas sache seria bem mais gostoso do que comer essa sobremesa da moda. Mas um dia desses tava com uma amiga que era muito viciada nisso e nem vende na cidade dela, então arrisquei. Olha… Não é uma delícia, mas é bem melhor do que todos os outros frozens iogurts que eu já experimentei, digamos que eu realmente suportaria comer de novo lá.

Tem várias coberturas diferentes e isso ajuda bastante em deixar essa sobremesa menos horrível, porque dá uma adocicada em tudo e deixa mais gostoso. Eu recomendo a cobertura sweet papaia, apesar de ser de fruta, traz um gostinho de sobremesa feliz ao sorvete esquisito.

  • Bar da Dona Onça

Fica muito perto da minha casa então vez ou outra eu me arrisco, afinal o Bar da Dona Onça está aberto sempre e não há necessidade de fazer reserva. A comida é gostosa e caprichada, mas sinceramente acho os valores meio abusivos e não sou chegada em tanta brasilidade como as sugestões apresentadas no cardápio. Dentre todas as opções, existem duas que eu definitivamente recomendo: Picadinho de filé com arroz soltinho, ovo frito e tartar de banana (R$39,00), uma carne saborosa bem picadinha com bons acompanhamentos como o tartar de banana (banana crua cortada em cubinhos), uma alternativa mais “light” à banana à milanesa.

O feijão veio grosso, mas sem grãos e num pequeno potinho, em quantidade que não condisse com o tamanho do prato. Minha dica era vir mais feijão acompanhando o prato… Mas quem se importa também, né? Eu nem adoro feijão. A minha opção favorita: Arroz de rabada com agrião (R$39,00), acho que uma das coisas mais saborosas e viciantes que eu já comi! Um arroz molhadinho, com pedaços de rabada que se desfaziam no garfo, agrião e tomatinho.

  • Häagen-Dazs

Todo mundo adora os sorvetes da marca, mas acho que a parte mais deliciosa de ir nas sorveterias da Haagen Dazs é justamente comer a casquinha, já que vendem opções maciças de chocolate, banhadas com castanhas, tem muita coisa boa! Feitos apenas com ingredientes naturais, os sorvetes da americana Häagen-Dazs fazem sucesso entre o público paulistano, mas apesar disso acho que faltam opções lights.

Entre as opções de sabores, estão Belgian Chocolate (sorvete de chocolate com finas lascas de chocolate belga); Macadamia Nut Brittle (baunilha com macadâmias caramelizadas); Baileys (feito com o licor irlandês Baileys); entre outros. Além do sorvete, há opções de sobremesa como o Vanilla Caramel Brownie (R$12, pedaços de brownie cobertos por calda de caramelo e sorvete de baunilha).

  • Padaria Universitária

O bairro do Butantã tem muito lugar gostoso pra comer, mas dentre as padarias da região é a melhor. É padaria e pizzaria (sabe que pizza de padaria sempre é mais ou menos, mas essa é consideravelmente incrível, ok) e ainda faz entregas a domicílio e serve almoço com churrasco todos os dias, o melhor de muitos mundos em um estabelecimento hahahaha. Não é barata, mas a qualidade é muito boa, sábado a mesa de bolos e doces fica lotada.

Eu gosto de tomar café da manhã no balcão. Tem pingado por um real, odeio padarias que só tem aquele café expresso na xícara de um gole só, nessa até tem o bendito expresso, mas eu sempre peço o pingado com pão na chapa. Fazem encomendas para festas, já comi o pão de metro numa reuniãozinha de trabalho e é realmente muito bom, aprovado!

  • Skye

Estive poucas vezes neste restaurante, ele é um dos mais pomposos, ricos e famosos da cidade então não dá pra ficar indo com frequência, né? Mas adoraríamo$, porque a comida e o atendimento aqui são os melhores que já pude experimentar. Mesmo sendo um hotel caro e fino, o restaurante é aberto ao publico e a maior parte das pessoas que o frequenta não são hóspedes, então não rola preconceito.

A comida japonesa é incrível, uma das melhores que já comi. A pizza do Skye é muito diferente, a massa é fina e assada em um forno de pedra, alguns ingredientes chegam à mesa praticamente defumados, é muito gostoso mesmo. Ponto alto para o ambiente, onde existe a possibilidade de se sentar em um aconchegante salão de iluminação sépia ou no terraço, com vista para a cidade inteira, pufes e sofás ao redor da piscina. É o melhor lugar que já fui na vida!

Espero que vocês tenham gostado das dicas, experimentem e me desculpem por estar levando um tempo maior que o normal para responder e-mails, comentários e conversas lá da fanpage. Segunda-feira eu to de volta! Beijo <3

Nenhum Comentário sobre 85 Lugares Para Você Aproveitar Minhas Férias – 10